Plataforma facilita busca de recursos para projetos sociais.



IMG_20170928_105718

O projeto surgiu do encontro de duas empreendedoras: Ivania Mendes Araújo e Luciana Marotto Homrich.

A partir de fevereiro de 2018, uma nova plataforma social entra no ar na internet. Como diz o nome, o Conect@projetos é uma iniciativa que tem o objetivo de conectar projetos das áreas Educação, cultura, esporte, saúde e direitos humanos de agentes públicos e privados com recursos disponíveis.

O projeto surgiu do encontro de duas empreendedoras: Ivania Mendes Araújo e Luciana Marotto Homrich. A partir dessa união foi apresentada a proposta da Plataforma para a uma seleção do Programa Negócios de Impacto Sebrae-SC e Prefeitura Municipal de Joinville. No momento, o projeto está concorrendo no âmbito do Sinapse da Inovação, edição SC.

Ivania Mendes Araújo
Gestão/Administrativo
Pós-Graduação (concluído): FGV/MG e SEBRAE/Jlle. Economista, MBA em Gestão de Projetos FGV, atuante há mais de 12 anos como Coordenadora de Projetos da ACI Moc (Associação Comercial e de Serviços de Montes Claros/MG). Especialista em Elaboração e Análise de Projetos econômico-financeiros.

Luciana Marotto Homrich
Gestão/Administrativo
Pós-Graduação (concluído): UFSM/RS, ESAB/Brasília e SEBRAE/Jlle. Profissional de Educação Física-UFSM, com Mestrado em Pedagogia do Esporte/Movimento – UFSM/RS, Pós-graduação em Formação Docente para atuar em EAD – ESAB e MBA Profissional em Gestão da Informação e Conhecimento – ESAB.

Na entrevista a seguir, elas trazem mais detalhes sobre o Conect@projetos e falam sobre os desafios do empreendedorismo.

Qual o estágio atual do desenvolvimento da plataforma Conecta Projetos?
Luciana/Ivânia -  Os serviços de elaboração, gestão e captação de recursos, bem como capacitação, palestras e treinamento já são disponibilizados por meio das duas Empresas (LucCa Consultores Associados Ltda e Araújo & Camacho) que uniram esforços para desenvolver a plataforma da Conect@projetos que está em desenvolvimento.

Algum prazo para a plataforma entrar no ar?
Luciana –  Estamos trabalhando a plataforma a partir de módulos digitais que atuarão de forma independente, mas de maneira a se complementarem. Neste sentido, estimamos que em fevereiro/2018,  já teremos a Plataforma Conect@projetos no ar, e no decorrer do ano, na medida em que os módulos complementares forem sendo finalizados, já entrarão em estágio de teste e implementação.

Caso consigamos apoio financeiro, poderemos contratar os profissionais com dedicação total de forma que a mesma estará no ar, em seu desenho completo, em menos tempo do que o programado.

Como surgiu a ideia da plataforma, além da oportunidade de verificar que os recursos disponíveis não era utilizados em sua totalidade?
Ivânia - A ideia da plataforma surgiu quando as sócias, Luciana Homrich e eu (Ivânia Araújo) nos conhecemos na Maratona de Impacto 2017 – SEBRAE e Prefeitura Municipal, que aconteceu em Setembro em Joinville/SC com apoio das incubadoras como Semente, Softville e Cause. Na oportunidade fomos conectadas pela nossa mentora por possuirmos negócios similares e complementares com foco na elaboração e captação de recursos via incentivo fiscal. A partir daí nos unimos e apresentamos a proposta da Plataforma junto a uma seleção do Programa Negócios de Impacto Sebrae-SC e Prefeitura Municipal de Joinville, onde estamos trabalhando a Plataforma e agora concorrendo no âmbito do Sinapse da Inovação, edição SC.

Qual a importância de projetos nas áreas educação/saúde/esporte/cultura
Luciana -  Primeiramente, pode-se dizer que todo cidadão deve ter acesso a educação, saúde, esporte, cultura, lazer, como direitos humanos universais que deveriam ser garantidos de forma gratuita e sem discriminação como destacado no âmbito da Constituição Nacional. Entretanto, na realidade Brasileira isso ainda não é uma verdade. Motivo pelo qual foram elaboradas Políticas Nacionais específicas a cada um destes segmentos. Por sua vez, estas são reforçadas e regulamentadas por meio dos Conselhos Federais, Estaduais e Municipais quando estes elaboraram o Estatuto da Criança e do Adolescente, Estatuto do Idoso, Estatuto da Pessoa com Deficiência, entre outros. Para além disso, no contexto do Orçamento da União, Estados e Municípios, são as primeiras áreas/setores que sofrem com os cortes orçamentários ocorridos anualmente, necessitando de recursos extraordinários que permitam que ações de direito realmente cheguem à população como um todo ou, pelo menos, àqueles mais necessitados.

Quais os desafios atuais da área de captação de recursos de forma geral?
Luciana –  No contexto da Captação de Recursos, seja de Pessoa Jurídica ou Pessoa Física identificam-se os seguintes desafios: 1) desconhecimento do mecanismo  e processo a ser executado por parte dos investidores/doadores; 2) Pouca divulgação dos mecanismos, retorno e  valor que o mesmo pode agregar às empresas e à sociedade em geral; 3) ausência de bons Projetos e em condições de captar e receber recursos 4) Receio das empresas e pessoas físicas de apoiar Projetos de Entidades que não consigam fazer uma boa execução e utilização (gestão eficiente) dos recursos doados;

Com vai funcionar na prática quando vocês percebem a inconsistência de projetos postados na plataforma? A iniciativa é de vocês de contactar os autores de determinados projetos?
Luciana -  Primeiramente, a Plataforma servirá como um Filtro para Entidades Aptas e em condições de elaborar e desenvolver bons Projetos junto à comunidade, bem como Projetos Aptos e Chancelados, em condições de captar recursos para serem desenvolvidos.

Para além disso, a Conect@projetos também oferecerá serviços aos seus Associados de Consultoria e Assessoria Especializada  na execução dos recursos recebidos no âmbito de cada Projeto, no acompanhamento e controle desta execução e na elaboração de indicadores de avaliação,  de forma a garantir a sua eficiência e maior efetividade na execução dos recursos agora públicos, doados pela iniciativa privada.

Quais os temas que estarão disponíveis na plataforma EAD e também em palestras?
Luciana -  Os temas são amplos, podemos destacar:

– Quem são as Entidades que podem desenvolver com êxito bons Projetos Sociais? O que elas precisam ter para serem capazes e Aptas? Marco Regulatório, Legislação e regulamentação vigente no âmbito dos diferentes segmentos/areas de atuação e setores onde existem os Fundos e Leis de Incentivo Fiscal;

– Elaboração de Projetos Sociais e seus sub-temas: O que? Como? Onde? Quando? Para quem? Legislação específica, regulamentação, jurisprudencia, junto aos diferentes Fundos e Leis de Incentivo Fiscal;
Captação de Recursos para Projetos Sociais nas diferentes áreas (educação, esporte, cultura, saúde…etc.). Quem? Como? Onde? Quando, Por quê, Para quê e Para quem?

– Captação de Recursos na iniciativa Privada. Quem pode doar? Como ocorre este mecanismo? Por quê doar? Valor que o Projeto pode significar para as Empresas que realizam a doação. Como e onde vender o meu Projeto?

– Captação de Recursos de Pessoa Física… quem pode doar e como ocorre este mecanismo. Onde encontram-se estes doadores PF? Como faço para chegar nesse doador em potencial?

– Indicadores de avaliação de Projetos Sociais.

Tudo isso poderá ser encontrado em um mesmo local/endereço virtual seja por meio da aquisição dos serviços pontuais incluídos nos diferentes tipos de Assinaturas, pela contratação de serviços específicos de Assessoria ou Consultoria Especializada, seja pela contratação de serviços de “Parceiros Aliados” e indicados no âmbito da Plataforma Conect@projetos.

Qual o maior desafio do empreendedorismo no Brasil?
 Ivânia – Segundo a Endeavor os dois maiores desafios do empreendedor são a gestão de pessoas, seguido pela gestão financeira. Na minha opinião, isso tudo aliado à falta de planejamento, definição de foco (propósito) e mentorias especializadas fecham o cenário caótico pintado pelos empreendedores.

A maioria atropela as etapas fundamentais no conhecimento da realidade do mercado e ignora a troca de experiência com quem já empreende ou vivencia tal área ou segmento dificultando o amadurecimento e a gestão do negócio.

Entrevista a Manoel Fernandes Neto, Jornalista.

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>